Por Andrei Teixeira

Primeiro de tudo, isso não é uma recomendação de investimento, mas minha visão do que pode acontecer com o preço do Bitcoin daqui para as próximas semanas.

Segundo, nesse momento de grande crise, o Bitcoin ainda passa por muito estresse diante do que está acontecendo com as bolsas de valores norte-americanas. O Bitcoin nunca vivenciou uma crise e no momento em que as pessoas precisam de dinheiro, elas se mostram dispostas vender seus ativos, derrubando o preço de qualquer coisa.

Na figura abaixo, a gente pode ver 3 indicações fortes de que o principal índice da bolsa de valores dos EUA (o S&P 500) pode cair já já:

(Imagem própria: Tradeinview)
  1. Em amarelo claro, temos uma formação clássica de queda, chamada de “cunha de baixa“: ela acontece depois de uma queda forte e as barrinhas vão crescendo cada vez menos, o que mostra perda de força para subir.

2. A seta vermelha mostra o indicador chamado de “estocástico“, que é a relação entre o preço de fechamento e suas máximas/mínimas. Na figura, ele está acima da faixa roxa, então está mais propenso a cair do que de se manter alto. Isso indicaria baixa.

3. A seta laranja mostra o indicador chamado de “MACD“, que é a relação entre a força de compra e a fora de venda. Na imagem, ele aparece em verde e caindo para o vermelho. Isso mostra uma força maior para a venda do que para a compra.

Conclusão

Quando a gente soma 1 cunha de baixa + 2 indicadores técnicos de baixa, fica difícil acreditar que a principal bolsa de valores dos EUA pode se manter em tendência de alta pelos próximos dias (máximo de duas semanas).

Claro, ele tem essa chance de subir. É pequena e tudo pode acontecer!

Agora, se a bolsa cair mesmo, levará o mundo inteiro junto. Não há ativo que resista a uma crise econômica forte, nem o ouro e nem o Bitcoin!!!

A influência dos mineradores

Dentro de +/- 20 dias, o BTC terá seu “halving“, que o momento em que a recompensa dada aos mineradores por colocar Bitcoins na rede cai pela metade. Isso quer dizer que vão receber menos moeda para fazer o mesmo trabalho.

Isso quer dizer que eles têm um incentivo para vender parte de suas criptos agora para recomprá-las mais barato. Quando o preço retornar, vão lucrar tanto que vão poder manter suas atividades por mais tempo.

É interessante ver a semelhança dos gráficos. A cunha do BTC é menos fechada, mas isso é porque o ativo e a bolsa não “andam” sempre da mesma maneira (Imagem própria: Tradeinview)

Chance de lucrar com a crise

Vamos ficar atentos ao preço nos próximos dias. Vários vídeos pela Internet falam que se perdermos o preço a faixa de US$ 6700-6800, o BTC entra em tendência de baixa.

Essa queda pode ser maior com a queda do S&P500.

E aí é a chance de comprar BTC há valores menores do que US$ 5000 (ou até menos).

🙂

#tudoindicaparaqueda
#naoehindicacao
#podesubirmasparecequenao

Compartilhar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.