Por Andrei Teixeira e Vinicius Martins

A Associação Brasileira de Agentes de Viagem (Abav) organiza anualmente um grande evento na área de turismo que reúne agentes de viagem, hoteleiros, companhias aéreas, de cruzeiro e de aluguel de carro, entre outros setores.

Em 2015, a Expo Abav, que é a maior feira do segmento da América Latina conseguiu cumprir a difícil tarefa de fazer uma grande feira de turismo num ano de crise. Mesmo com o possível desaparecimento do Ministério do Turismo, pois nos encontramos no meio de uma reforma ministerial, a entidade fez com que o Anhembi, em São Paulo, fervesse.

Ao todo, foram 304 estandes, onde era possível conhecer as novidades de diferentes destinos internacionais e nacionais, além de serviços voltados ao setor. Dados mostram ainda que 3.121 marcas apresentaram seu potencial para o público visitante.

Turismo celebra expansão em evento tradicional

Em sua 43ª edição, a feira, que ocorreu de 24 a 26 de setembro, registrou, até às 17h do sábado, 32.176 visitantes. A próxima edição da feira acontecerá entre os dias 29 setembro e 1º de outubro de 2016.

Destaques internacionais

Andando pelos corredores do Anhembi era possível se perder, pois tinha muita coisa para conhecer. No setor internacional a festa era tipicamente latina. O México, por exemplo, colocou atores que pararam o público fazendo brincadeiras inusitadas. Do nada, duas freiras paravam as pessoas para mostrar que destinos como Cancun, “cheias de pecado”, eram mais que praia e sol. A meu ver, essa chamada para o “não pecar” era uma ótima chance para mostrar que a cidade turística oferecia bem mais do que os brasileiros conhecem. Em seguida, mariachis cantavam e empolgavam a todos.

Mariachis mexicanos não deixaram ninguém parado na Expo Abav (Foto: Vinicius Martins)
Mariachis mexicanos não deixaram ninguém parado na Expo Abav (Foto: Vinicius Martins)

Já a Argentina e Cuba levaram seus ritmos e um par de dançarinos para empolgar e encantar todos os visitantes da feira. Uma das novidades para o Verão será que os turistas da Argentina e do Brasil terão mais voos. “Durante os meses de janeiro e fevereiro de 2016 a Aerolíneas Argentinas fará três voos semanais diretos de Buenos Aires para Porto Seguro”, disse o Superintendente da Bahiatursa, Diogo Medrado, na abertura da 43ª Expo Abav.

Leveza e romance no estande da Argentina (Foto: Vinicius Martins)
Leveza e romance no estande da Argentina (Foto: Vinicius Martins)

O Chile trouxe um apresentador brasileiro que divertia o público imitando o sotaque chileno. Dos principais destinos do Chile, se encontra não apenas o famoso Deserto do Atacama, ao norte, mas também uma região ao sul do país, chamada Araucanía, que abriga uma grande quantidade de parques florestais e esportes de aventura.

Entre os destinos europeus, Portugal mostrou sua potência como patrimônio cultural, gastronômico, turístico e religioso.  Entre as cidades apresentadas estavam Porto, Coimbra, Lisboa e Fátima. Segundo o Ministério do Turismo de Portugal, o Brasil é o terceiro maior mercado estrangeiro em número de pernoites e o brasileiro que visita o destino permanece em média 1,6 noites no país.

De maneira geral, cada país possuía alguma comida típica ou alguma pessoa vestida em trajes locais.

Já os nacionais

Não há como não ficar entusiasmado com o ritmo brasileiro. A feira reuniu todos! De São Paulo, Porto Alegre até Pernambuco, Bahia e Manaus.

Quem nunca ouviu falar no refrigerante Guaraná Jesus? Vendido no Maranhão, a bebida foi exposta para o consumo. Criado em 1927, num pequeno laboratório de São Luís, por Jesus Norberto Gomes, o refrigerante possui cor-de-rosa, de sabor adocicado e é tão típica quanto a cultura do bumba-meu-boi. Bem adocicado, o Guaraná Jesus tem um toque especial de cravo e canela. Para os que preferiam uma opção mais natural, o destino ofereceu suco da fruta do bacuri, bem como geleias típicas da região, como a geleia de bacuri e a de tamarindo.

No estande do Amazonas, um casal de manauaras vestindo roupas típicas dos indígenas chamava a atenção do público. Dentre as informações turísticas que eram apresentadas, foi lembrado que a Arena da Amazônia, em Manaus, receberá quatro jogos de futebol durante a Olimpíada, dois masculinos e dois femininos. Para quem pensa que a arena fica longe da cidade, na verdade ela está localizada próxima ao aeroporto, à rodoviária, à Assembleia Legislativa do Estado, a shoppings e a hotéis.

A Reviravolta das arenas

Já em Pernambuco, o frevo e o café tomaram conta da festa. Num telão, onde era possível ver imagens do destino, uma bailarina, pendurada por cabos de aço, dançava o frevo. A performance empolgou aqueles que passavam, fazendo todo mundo dançar e deixando um gostinho de quero mais.

Dançarina mostra o ritmo de Pernambuco (Foto: Andrei Teixeira)
Dançarina mostra o ritmo de Pernambuco (Foto: Andrei Teixeira)

A Bahia, que era a anfitriã deste ano, levou todo seu axé e sensualidade ao Anhembi. As apresentações de música aconteciam o tempo. O destino trouxe baianas legítimas que faziam um delicioso acarajé na hora. Com uma réplica do templo mais famoso da Bahia, instalada no estande de 357 metros², as baianas fizeram, ainda, a lavagem simbólica da Igreja de Nosso Senhor do Bonfim, ao som da banda e do Rixô Elétrico de Fred Menendez. Por volta das 17h do último dia, o Rixô, a banda e as baianas começaram a percorrer as ruas da expo fazendo um pequeno Carnaval de encerramento. O padre Edson Menezes, da Basílica do Bonfim, abençoou a réplica, e benzeu a todos.

21684878436_0da936c9af_c
Público dança pelas ruas do Anhembi, em São Paulo (Foto: Divulgação)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.